Musical incentiva mães e pais a cantarem mais para os seus bebês

Ritmo, melodia, conforto, alegria. Essas são as principais características do musical Acalantos que estreia dia 27 de julho, no Mini Auditório do Teatro Guaíra. Produzido pela Parabolé Educação e Cultura, o espetáculo faz curta temporada em Curitiba. Voltado a mães, pais, avós, avôs, tias, tios, educadores e crianças na primeira infância, de 0 a 5 anos, o espetáculo faz um passeio por cantigas e parlendas muito conhecidas do público. Entre as 18 canções interpretadas por Luana Godin, Mariana Castro e Renata Melão, estão Alecrim, Meu Limão e Roda Pião. Acompanhadas por violão e instrumentos de percussão, elas passeiam por um cenário que instiga a imaginação. Tecidos ganham vida, ora se transformando em roupas, ora dando vida a bebês.
“Para além do conteúdo musical, nosso objetivo é mostrar a importância da comunicação nesta fase da vida e sensibilizar mães, pais, educadores e cuidadores, para que possam cada vez mais perceber que a música, as histórias e as parlendas são ferramentas eficazes para fortalecer o vínculo afetivo entre adultos e crianças”, explica Nélio Spréa, criador do musical e sócio diretor da Parabolé. Acalantos também poderá ser levado para casa em álbum musical (CD + Livro à venda no local a R$ 34,90). Também está disponível em todas as plataformas digitais de música e no Canal Parabolé no Youtube.
As sessões acontecem dia 27 de julho, às 15h; dia 28 de julho, às 14h e 16h e também dia 3 de agosto, às 14h e 16h e 4 de agosto, às 15h. Os ingressos já estão à venda pelo TicketFácil (www.ticketfacil.com.br) a R$ 15,00 (inteira). Meia entrada é válida para crianças, doadores de sangue, estudantes, idosos, PNE´s, professores e portadores de câncer. Crianças de colo não precisam de ingresso. Acalantos é realizado pela Parabolé Educação e Cultura e conta com o apoio da Ademilar através do programa de apoio e incentivo à cultura da Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura de Curitiba.

 

Ficha técnica

Concepção: Nélio Spréa

Direção artística: Levi Brandão

Direção musical: Liane Guariente

Figurinos e cenário: Eduardo Giacomini

Arranjos: André Dittrich e Liane Guariente

Elenco: Luana Godin, Mariana Castro e Renata Melão

Produção: Parabolé Educação e Cultura

 

 

Você também pode gostar de ler